domingo, janeiro 20, 2008

As frases e histórias de Sly

Peter Howell escreve sobre o retorno de Rambo para o TheStar.com. Veja alguns dos destaques desta matéria:

* [Sly] "Em 1976, foi saudado como o novo Marlon Brando, nomeado ao oscar tanto para melhor ator como melhor roteiro, neste ano seu filme ganhou o oscar de melhor do ano."

Sly: "Carreiras têm altos e baixos. Atores começam a voltar ao escutar coisas por quais são conhecidos. Cada ator gostaria de dizer que eles estão como Daniel Day Lewis. Que têm este incrível paladar. Muitas vezes, um ator é conhecido por uma determinada coisa."

Stallone não teve dificuldades em voltar com os personagens antigos: "Eu adoro isso", diz ele, e o seu sorriso é a prova da sinceridade.
* Quando um jornalista sugere Rambo é um dos mais violentos filmes - até mais do que o Sweeney Todd - Stallone interrompe ele.
"Não é um dos mais. É o mais violento."

Ele teve que defender o seu caso perante os censores da Motion Picture Association of America, que queriam dar a Rambo uma limitação-NC-17 rating na sua classificação. Ele conseguiu convencer a MPAA para dar-lhe a mais "forte" "R" rating.

Stallone considera que é importante mostrar às pessoas a verdade sobre "o mais brutal regime do planeta", mesmo que a verdade possa doer muito.

Stallone começa a falar sobre o que ele poderia fazer em seguida. Talvez algo junto com Arnold Schwarzenegger e Bruce Willis.
Sly: "Não. Eu tenho uma idéia muito bizarra. É provavelmente absurda. Mas, tem que ter uma fórmula. Se eu lhe disser que eu ia fazer um filme sobre um cara de sessenta e um anos de idade, boxeador, que você faça, "Yeah. Direito". Mas se você encontrar a fórmula certa, tudo é possível. É sobre começar a existir e recebendo o público do seu lado. Isso é possível. Isso é viável. É estranho, mas como Space Cowboys! Olá? Funcionou."

Vejam a matéria completa clicando aqui.
Edmrocky by Edmundo Falcão.
Edmrocky 2008, Sly news.

Feed
Assine o RSS, curta no Facebook ou cadastre seu e-mail para receber as próximas novidades sobre este(s) assunto(s)!