quinta-feira, fevereiro 28, 2008

Especial: Rambo IV

Após um mês de espera, chega aos cinemas nacionais, Rambo IV, o último capítulo de um dos personagens do gênero de ação mais conhecidos e consagrados em toda a história. Para comemorar, o blog edmrocky lança uma matéria especial contendo sinopse, curiosidades, informações diversas, postêrs diversos, comentários de dois sites conhecidos em todo país, detalhes sobre as salas de exibição, trilha sonora e muito mais sobre este grande sucesso que promete ser o melhor longa de ação com cenas de violência do ano. Confiram.

.
Título Original: Rambo
Gênero: Aventura
Tempo de Duração: 91 minutos
Ano de Lançamento (EUA): 2008
Site Oficial: http://www.ramboiv.com.br/
Estúdio: Rogue Marble / Millennium Films / Nu Image Films / Emmett/Furla Films / Equity Pictures Medienfonds GmbH & Co. KG IV
Distribuição: Flashstar / Lionsgate
Direção: Sylvester Stallone
Roteiro: Art Monterastelli e Sylvester Stallone, baseado em personagem criado por David Morrell
Produção: Kevin King, Avi Lerner, Sylvester Stallone, Kevin King Templeton e John Thompson
Música: Brian Tyler
Fotografia: Glen MacPherson
Desenho de Produção: Franco-Giacomo Carbone
Direção de Arte: Suchartanun "Kai" Kuladee
Figurino: Lizz Wolf
Edição: Sean Albertson

Elenco
Sylvester Stallone (John Rambo)
Julie Benz (Sarah Miller)
Graham McTavish (Lewis)
Reynaldo Gallegos (Diaz)
Jake La Botz (Reese)
Tim Kang (En-Joo)
Maung Maung Khin (Tint)
Paul Schulze (Michael Burnett)
Cameron Pearson (Jeff)
Ken Howard (Pastor Arthur Marsh)
Matthew Marsden
.
"20 anos depois do último filme da série, John Rambo (Sylvester Stallone) se recolheu no norte da Tailândia, onde pilota um barco pelo rio Salween. Na vizinha fronteira com Mianmar, a guerra civil mais longeva do mundo, entre os birmaneses e os karenes, está para completar 60 anos. Mas Rambo, que leva uma vida simples e solitária nas montanhas, pescando e capturando cobras venenosas para venda, já desistiu de lutar há muito tempo - mesmo vendo médicos, mercenários, rebeldes e defensores da paz passando por seu caminho com destina a Mianmar.

Tudo isso muda quando um grupo de missionários dos direitos humanos procura o "guia americano do rio", John Rambo. Sarah (Julie Benz) e Michael Bennett (Paul Schulze) se aproximam dele e explicam que há um ano o exército birmanês colocou minas terrestres na via que leva ao campo de refugiados, o que tornou o caminho por terra perigoso demais. Eles pedem então que Rambo os guie pelo Salween até Mianmar, onde pretendem entregar suprimentos médicos e comida para a tribo karene. Depois de recusar a travessia, Rambo acaba concordando em levar o grupo de Sarah e Michael.

Menos de duas semanas depois, o pastor Arthur Marsh (Ken Howard) acha Rambo e lhe conta que os missionários não retornaram e que as embaixadas não ajudam a encontrá-los. O pastor conta a Rambo que hipotecou a sua casa e levantou dinheiro para contratar um grupo de mercenários para buscar os missionários, que estão sendo mantidos presos pelo exército birmanês. Embora o exército dos EUA o tenha treinado para ser uma máquina de matar no Vietnã, décadas depois é palpável a relutância de Rambo em voltar ao combate. Suas cicatrizes curaram, mas são visíveis. Ainda assim, o guerreiro solitário sabe o que deve fazer..."
.
Matérias sobre Rambo IV que merecem destaque:

-------------------------------------------------------------

.
Comentários:

"(...)Entre uma e outra dessas cenas de ação tecnicamente perfeitas, que incluem efeitos sonoros capazes de estremecer edificações vizinhas, Stallone ainda acerta a mão numa excelente sequência de infiltração e tensão. Nela ele alterna a invasão do acampamento dos birmaneses pelos mercenários e uma festinha de soldados inimigos. A narrativa é toda construída sem diálogos, apenas nas reações, seja dos "bons" ou dos "maus". Novamente, prova de que quanto menos diálogo, melhor. Stallone tem um domínio incrível do estímulo visual (outra prova disso é uma bacana montagem de pesadelo/flashback), mas ainda falta-lhe muito caminho a percorrer quando o assunto é o desenvolvimento de personagens e suas interações. E por interações, não nos referimos a encontros entre facão e pescoço."
Omelete
.
"(...)Visto sem compromisso, tudo não passa de um grande videogame desses de tiro, evolução natural dos filmes de ação de Hollywood. Divertido até, para quem tem estômago. Mas olhando um pouco mais de perto, "Rambo IV" é a personificação daquele discurso que diz que, quando tudo parece estar perdido, a melhor solução é mandar tudo pelos ares."
G1
.
.
Principais frases:

Rambo - "Eu não mato pelo meu país. Ele está morto para mim. E por isso, não creio que Deus possa me perdoar."
.
Rambo: Estão levando armas?
Missionário: Claro.
Rambo: Então não estão mudando nada.
.
Pastor (Trailer) - "Senhor, me faça instrumento de vossa paz. Onde houver ódio, que eu leve o amor. Onde houver escuridão, que eu leve a luz. Porque quando damos, recebemos. Quando perdoamos, somos perdoados. Quando morremos.... despertamos para a vida eterna."
.
Rambo - "Viva por nada, morra por alguma coisa."
Trailer - "Você sabe o que você é, do que é feito. A guerra está no seu sangue. Quando se é forçado, matar é tão fácil quando respirar."
.
Sarah Miller - "Talvez você tenha perdido a sua confiança nas pessoas. Mas você ainda tem de ser fiel a qualquer coisa. Você deve ainda se preocupar com algo. Talvez não possamos mudar o que é. Mas tentar salvar uma vida é não desperdiçar a sua."
.
Sarah: Bem, precisamos ir e ajudar essas pessoas, estamos aqui para fazer a diferença, acreditamos que todas as vidas são especiais.
John Rambo: Algumas vidas, outras não.
Sarah: Sério? Se todos pensassem como você, nada iria mudar, nunca.
John Rambo: Nada faz mudar.
Sarah: Claro que não! Nada permanece igual.
John Rambo: Viva sua vida por uma causa, você tem uma boa visão.
Sarah: É o que estou tentando fazer!
John Rambo: Não, o que você está tentando fazer é mudar aquilo que é.
Sarah: E o que é?
John Rambo: Vá para casa.
.

Curiosidades:

- "Rambo 4" teve algumas sinopses escritas e que não foram aprovadas. Numa delas, Rambo vivia tranquilamente com a esposa e o filho, quando radicais da supremacia branca sequestram a criança e a mulher dele. John Rambo então parte para a luta. Em outro roteiro Rambo tentava resolver um sequestro na sede das Nações Unidas em Nova York, onde Rambo estava trabalhando como diplomata.
- Este é o primeiro filme da série Rambo que não possue um respectivo romance escrito pelo criador David Morrell. Morell escreveu o romance "First Blood" sobre o qual esse filme foi baseado, e posteriormente escreveu "Rambo: First Blood Part II" e "Rambo III". Nenhuma sequência foi publicada com o título "Rambo".
- Ted Kotcheff que dirigiu First Blood (1982), o original da série Rambo, atua como um consultor técnico neste 4º filme.
- Odeon, um grupo de cinema britânico com mais de 100 salas à escala nacional, recusou-se a mostrar o filme em seus cinemas por causa de "razões comerciais".
- Sylvester Stallone queria rodar Rambo 4 antes de Rocky Balboa (2006), mas inverteu a ordem por conseguir antes a autorização da MGM para rodar o filme.
- Este é o 1º filme da série Rambo a ser dirigido por Sylvester Stallone.
- Julie Benz foi contratada para interpretar Sarah Miller por Sylvester Stallone ser um grande fã da série de TV "Dexter", na qual ela trabalhava.
- James Brolin chegou a ser contratado para interpretar o coronel Samuel Trautman, já que seu intérprete original, Richard Crenna, falecera. Entretanto o personagem foi retirado na versão final do roteiro.
- Este é o 1º filme da série Rambo cuja trilha sonora não foi composta por Jerry Goldsmith.
- As filmagens ocorreram entre 23 de fevereiro e 4 de maio de 2007.
- Em todo o filme são mortas 236 pessoas, com uma média de 2,59 mortes por minuto. Trata-se da maior quantidade de mortes de toda a série.
- Precedido por Rambo - Programado para Matar (1982), Rambo II (1985) e Rambo III (1988).
- O orçamento de Rambo 4 foi de US$ 50 milhões.
.

Download da Trilha Sonora: http://blogedmrocky.4shared.com/

Comunidade no Orkut: "Rambo IV - John Rambo"
.

Aos 61 anos, Sylvester Stallone voltou ao cenário cinematográfico. Depois das boas críticas alcançadas com o retorno de Rocky Balboa em 2006, Sly resolveu trazer também de volta aos focos das câmeras, outro de seus personagens que o consagraram como grande astro do cinema de ação, John Rambo. Ao longo de sua carreira Stallone teve alguns fatos interessantes. Conheça agora mais algumas curiosidades sobre o ator.

Apelido - Não gosta de seu primeiro nome. Por essa razão, é chamado pelos amigos de Sly, mas na adolescência era chamado apenas de Michael. Já, a imprensa adora chamá-lo de Garanhão Italiano. Antes de se tornar um ator famoso, começou a escrever roteiros com os pseudônimos Q. Moonblood e J.J. Deadlock.
Bicos - Teve de fazer diversos trabalhos extras para pagar seu aluguel. Já limpou a jaula dos leões no zoológico de Nova York, trabalhou como lanterninha de cinema e estrelou um filme pornô chamado O Garanhão Italiano, aos 23 anos, e recebeu US$ 200 por sua participação.
Comédia - Depois de ficar conhecido como ator de filmes de ação. Stallone quis acrescentar outros gêneros em seu currículo, como comédias e dramas. É o caso de filmes como Pare! Senão Mamãe Atira, ou mesmo na dublagem de Formiguinhaz. Mas a pancadaria sempre foi o que lhe garantiu um generoso salário.
Deformado - Após aparecer bem diferente em Rambo IV, o astro revelou que tomou hormônio hGH para aumentar a massa muscular. Porém, o hormônio possui efeitos colaterais como deformar o rosto, comprometer a clareza de raciocínio e aumentar o risco de câncer, entre outras contra-indicações.
Estudo - Teve uma adolescência difícil, sendo expulso de 14 escolas diferentes. Aos 15 anos, foi estudar na Devereaux Manor, uma escola particular para jovens problemáticos, na Pensilvânia. Como não tinha um bom desempenho na vida acadêmica, ao invés de faculdade, Stallone entrou numa escola de beleza, mas descobriu que não tinha talento.
Filhos - Stallone tem cinco filhos, três meninas e dois meninos. Sophia Rose Stallone deu um susto no pai ao passar por uma cirurgia de coração, que terminou tudo bem. Seu segundo filho Seargeoh Stallone é autista. Já Sage Stallone, atuou ao lado do pai em Rocky V (1990) e em Daylight (1996).
Grandioso - Após interpretar Rocky Balboa nos cinemas, Stallone virou ídolo na Filadélfia, local onde o filme foi ambientado. Em homenagem ao astro o personagem ganhou uma estátua de bronze, localizada na entrada do Museu de Arte da cidade, em frente à escadaria que subiu correndo na famosa cena do longa.
Hobby - Em seu tempo livre, adora pintar com tinta a óleo e considera Leonardo Da Vinci seu herói pessoal. Também adora filmes indianos, é fã de Bollywood.
Insensível - Parece que a imagem de durão transcende as telonas. Em 1994, terminou com sua namorada Jennifer Flavin mandando uma carta por Sedex. Porém, o astro se arrependeu e reatou o relacionamento com ela. Estão casados até hoje.
Justiça - Em 2001, foi processado pela modelo Margie Carr que afirmou ter sido forçada a ter relação sexual com o astro, em uma academia de Santa Monica. Em 2002, Stallone entrou com um processo contra seu empresário Kenneth Starr por ter dado maus conselhos profissionais.
Literatura - Stallone lançou um livro em 2005 com o título Sly Moves: My Proven Program to Lose Weight, Build Strength, Gain Will Power, and Live Your Dream. Não é bem uma grande obra literária, mas é uma boa opção aos fãs que querem saber mais sobre sua carreira e o que é preciso fazer para ficar com um corpo igual ao do astro, com dicas de dietas e exercícios.
(Cineclick - Omelete - IMDB - Adorocinema)

Edmrocky by Edmundo Falcão.
Edmrocky 2008, Sly news.

Feed
Assine o RSS, curta no Facebook ou cadastre seu e-mail para receber as próximas novidades sobre este(s) assunto(s)!