domingo, agosto 29, 2010

Adailson Santiago, integrante do Sly Squad: Um verdadeiro fã de Sylvester Stallone

Adailson Santiago é um fã de Porto Alegre-RS e integrante do fã-clube Sly Squad. Ele é um daqueles fãs que tem uma história bem legal de se ler. Adailson fez parte do grupo que conheceu Stallone no ano passado, no Rio de Janeiro. Na realidade, ele foi o último fã brasileiro a tirar uma foto ao lado de Sly no Brasil. O feito aconteceu no aeroporto do Galeão, momentos antes do astro seguir para o salão de embarque e voltar para os EUA. Foi uma grande conquista na vida deste fã que traz uma coleção invejável há 33 anos.

Adailson se tornou fã de Stallone aos 7 anos de idade, logo que "Rocky, Um Lutador" chegou aos cinemas. Em 2008 descobriu que a estrela viria ao Brasil no ano seguinte para filmar Os Mercenários (The Expendables). Era a oportunidade de realizar o seu maior sonho: Conhecer o ídolo e tirar uma foto ao seu lado.

Por motivos profissionais, ele não conseguiu se juntar ao Sly Squad logo no inicio, no dia 04 de abril. Com isso, os dias foram passando e a angústia aumentando. No dia 19, Adailson ficou sabendo que aquela semana seria a última de Stallone no Brasil. As esperanças começavam a acabar. Porém, no dia 20, Adailson consegue uma brecha no trabalho, compra as passagens para o Rio e desembarca na cidade no dia 23, dois dias antes da despedida de Stallone. Lá ele conhece outros integrantes do Sly Squad, inclusive a Betty Joukoski. Durante os dias 23 e 24, ele conseguiu um autógrafo de Stallone e viu os outros atores, como Eric Roberts e Terry Crews, porém, nada de foto com Sly. Até que chega o dia final, sábado, 25 de abril. Pela manhã, Stallone sai do hotel e entra em sua van rumo ao aeroporto. Adailson segue atrás juntamente com outros fãs do Sly Squad, em especial, Ana e Wallace. Ao chegar ao aeroporto, a porta da van se abre. Adailson estava a mil por hora. Aquela era a sua última chance. Até que, aproveitando o descuido de um dos seguranças e vendo a porta aberta, ele coloca a cabeça para dentro da van e diz: “Sly, eu vim de longe especialmente para te ver. Por favor tire uma foto comigo pois espero 30 anos por esse momento”. Stallone calmamente balançou a cabeça e fez sinal positivo com o polegar. Ao sair da van, ele chama Adailson por entre os seguranças. A tão sonhada e esperada foto naquele momento passava a ser uma realidade.

Como eu disse anteriormente, a coleção do Adailson é invejável, basta conferir nas fotos que compõem esta postagem e nos números abaixo:

- CDs: 5;
- Discos de vinil: 9;
- Revistas-poster: 15;
- Revistas especiais: 20;
- DVDs: 33;
- Pôsteres: 120;
- Fotos no computador: 2000;
- Coleção de reportagens: Em torno de 5.000 páginas;
- Outros itens: Quadros, porta-retratos, camisetas, bonecos, faca Rambo, arco-e-flecha, livros, canecas, chaveiros e adesivos;

E mais: Assim que como vários outros membros do Sly Squad, Adailson tem atualmente uma grande amizade com a Betty. Ela inclusive o visitou recentemente em sua residência, em Porto Alegre. Os dois, claro, conversaram bastante sobre Stallone e muitas outras coisas. Abaixo, uma foto deste encontro, onde Betty está com um casaco que ganhou de Stallone e, ao fundo, a foto gigante de Stallone e Adailson que decora a parede de sua casa.

Edmundo Falcão/Adailson Santiago

Feed
Assine o RSS, curta no Facebook ou cadastre seu e-mail para receber as próximas novidades sobre este(s) assunto(s)!