terça-feira, setembro 03, 2013

Morre aos 44 anos o ex-boxeador Tommy Morrison, o Tommy Gunn de Rocky V

O ex-boxeador Tommy Morrison faleceu no último dia 01 em Omaha, nos Estados Unidos, aos 44 anos, após passar quase um ano internado. A causa da morte foi acidose respiratória e metabólica e falência múltipla de órgãos. A informação foi anunciada por seu agente, Tony Holden, e pela viúva do lutador, Trisha, que não explicaram a causa da morte. O ex-atleta foi campeão dos pesados da Organização Mundial de Boxe (WBO) e participou do filme Rocky V (1990). Morrison lutou profissionalmente de 1988 a 2008 e tem um cartel de 47 vitórias, sendo elas 44 por nocaute, e apenas três derrotas. Seu auge foi quando derrotou George Foreman em 1993 em disputa pelo cinturão dos pesados da WBO, uma de suas raras vitórias que foram para a decisão dos jurados (no caso, unânime). Em 1996, Morrison teve sua carreira abreviada após ser diagnosticado com o vírus HIV em um teste realizado pela Comissão de Nevada. Uma contraprova confirmou o resultado, e o boxeador afirmou que deixaria o esporte. Dez anos depois, entretanto, o atleta voltou a realizar testes que decretavam que ele jamais foi infectado com o vírus. O americano chegou a fazer mais duas lutas antes de se aposentar em definitivo. Trisha Morrison, a viúva do boxeador, afirmou em entrevista à ESPN que o marido lidava com a síndrome de Guillain-Barré, doença autoimune que atacava seu sistema nervoso. Não foi divulgado se esta condição acelerou sua morte.

esportes.terra.com.br - Edmundo Falcão

Feed
Assine o RSS, curta no Facebook ou cadastre seu e-mail para receber as próximas novidades sobre este(s) assunto(s)!